Buscar

Nanovetores: Empresa vencedora do Prêmio Nacional de Inovação, Edição 2021/2022.



Saiba como a Nanovetores inova e faz a diferença em todo o ecossistema através da Sustentabilidade.


O Prêmio Nacional de Inovação é uma iniciativa da Mobilização Empresarial pela Inovação (MEI), realizado pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) e pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE).


É considerada a maior premiação de inovação do país e tem como objetivo incentivar e reconhecer os esforços de instituições que atuam no Brasil.


Para a edição de 2021/2022 foram mais de 11 mil inscritos, sendo 74 finalistas.


As instituições são avaliadas e recebem um diagnóstico de inovação.


A premiação é feita para as categorias de pequenos negócios, médias empresas e grandes empresas. E as modalidades são de inovação em produto, inovação em processo, inovação em sustentabilidade e gestão da inovação.


A Nanovetores foi vencedora na categoria Média Empresa, na Modalidade de INOVAÇÃO EM SUSTENTABILIDADE.

“A Sustentabilidade está no nosso propósito e de fato é praticada todos os dias nas nossas ações”, como nos fala a Dra. Betina Zanetti Ramos, Presidente e Co-fundadora.


A empresa adotou uma postura consciente, estendendo o conceito da sustentabilidade para além do meio ambiente. Adotou as práticas em seus processos de gestão beneficiando todo o ecossistema: social, ambiental e econômico.


As ações realizadas pela empresa se dividem em diversas áreas e práticas, impactando todo seu entorno. Promove campanhas de arrecadação e faz doações as comunidades localizadas nas proximidades da empresa. As doações vão desde alimentos, a roupas e brinquedos.


Outra prática aplicada é a forma como escolhe os parceiros e fornecedores, levando em consideração o raio de localização, priorizando àqueles que estão nas proximidades, tal como fornecedores nacionais, contribuindo assim com a sustentabilidade nos negócios regionais.


Na cadeia de suprimentos tem buscado alternativas para evitar ou minimizar a produção de resíduos, ou agentes que prejudiquem o meio, a saúde e a qualidade de vida.

Para garantir as boas práticas de gestão e processos, a Nanovetores se adaptou e foi certificada pela ISO 9001:2015, Cdial Halal, além da certificação COSMOS / Ecocerti para diversos produtos.


Além, disso, a Nanovetores também é reconhecida como empresa Consciente e Humanizada, com rating atual BBB. A pesquisa que traz o mesmo nome, é feita por uma organização que avalia o comportamento da empresa com relação ao meio ambiente, governança e meio social, considerando a opinião e o entendimento dos stakeholders, classificando-a, após avaliação, de acordo com parâmetros pré-determinados por estudiosos que desenvolveram o método.


A Nanovetores tem a sustentabilidade como um de seus pilares e por esta razão, sua tecnologia está pautada na Química Verde e no uso de materiais naturais e biodegradáveis.


A química verde pode ser definida como o desenho, desenvolvimento e implementação de produtos químicos e processos para reduzir ou eliminar o uso ou geração de substâncias nocivas à saúde humana e ao ambiente [1].

Este conceito, que pode também ser atribuído à tecnologia limpa [1], representa a suposição de que processos químicos que geram problemas ambientais possam ser substituídos por alternativas menos poluentes ou não poluentes. Tecnologia limpa, prevenção primária, redução na fonte, química ambientalmente benigna, ou ainda "green chemistry" são termos que surgiram para definir esta importante ideia.


Além da química verde ser utilizada como premissa dentro da área produtiva da Nanovetores, o desenvolvimento de nanopartículas biocompatíveis e biodegradáveis é o outro grande diferencial, com o propósito de garantir mais segurança, conforto e bem-estar para aqueles que utilizam nossos ingredientes ativos e produtos.


A Nanovetores está comprometida com a sustentabilidade. Todos os nossos produtos são projetados e produzidos em processos limpos e verdes.


Os produtos são fabricados usando apenas água como solvente, o processo é totalmente livre de solventes orgânicos, o que garante segurança ao meio ambiente e aos usuários finais.


As ações, priorizam a sustentabilidade e o bem estar de todos ao nosso redor.


Referências

1. LENARDÃO, E. J. et al. GreenChemistry: os 12 princípios da química verde e sua inserção nas atividades de ensino e pesquisa.Química Nova, [S.L.], v. 26, n. 1, p. 123-129, 21 jun. 2002.


76 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo